Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Da vida de Pi

Da vida de Pi... nilla. Uma espécie de director's cut, vá. Vivo de ler e escrever. De ler escritas, de escrever leituras, de debater termos e criar frases. Aqui escrevo da vidinha. Vidinha de Pi, é isso.

Da vida de Pi

Da vida de Pi... nilla. Uma espécie de director's cut, vá. Vivo de ler e escrever. De ler escritas, de escrever leituras, de debater termos e criar frases. Aqui escrevo da vidinha. Vidinha de Pi, é isso.

Pessoas que correm para o metro, parem com isso

Pi, 16.09.14
Não é por mim, eu não corro, afasto-me e deixo-vos passar.  Mas ontem vi uma senhora entrar na última porta, escorregar, não só ficar entalada nas portas, como com uma perna entre o metro e a plataforma. O menu completo.  Foi um senhor que lhe pegou debaixo dos braços e nos longos segundos em que o ar me faltou, a tirou de lá, enquanto a senhora suplicava um sumido "o senhor não arranque". Alguém tentava fazer sinal que chegasse ao maquinista, mas a coisa lá se resolveu sem demoras no horário. A senhora seguiu viagem, nós prosseguimos o caminho para fora da gare.  "Não vale a pena (correr)",  disse-me o herói - o herói sim, porque o foi - quando já subiamos as escadas.  E não vale, vejam lá isso. 

Enviado de Samsung Mobile