Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Da vida de Pi

Da vida de Pi... nilla. Uma espécie de director's cut, vá. Vivo de ler e escrever. De ler escritas, de escrever leituras, de debater termos e criar frases. Aqui escrevo da vidinha. Vidinha de Pi, é isso.

Da vida de Pi

Da vida de Pi... nilla. Uma espécie de director's cut, vá. Vivo de ler e escrever. De ler escritas, de escrever leituras, de debater termos e criar frases. Aqui escrevo da vidinha. Vidinha de Pi, é isso.

Tony Carreira. Vai ser assim

Pi, 26.09.14

Eu e a T somos amigas há muitos anos. Desde os 15 anos que somos muito amigas. E somos e sempre fomos amigas sem precisar de agradar uma à outra em gostos e outros. Sempre fomos diferentes, temos gostos opostos em quase tudo, mas destaco a música e o tipo de homem. E aqui resume-se a nossa divergência numa só pessoa: Tony Carreira. A T sempre foi fã, desde que me lembro, desde que ainda havia Made in Portugal na RTP e ele cantava o "Ai destino" que ela o achava lindo e cantarolava as músicas dele. Made in Portugal que eu também fazia questão de ver, proporcionava bons serões no café ao domingo à noite com os amigos e em casa com o meu irmão: cantávamos, comentávamos, riamos. E o objectivo em tudo na vida devia ser rir. 

Depois não posso deixar de parte a contribuição do meu irmão para o meu conhecimento das músicas do senhor. Tudo junto ainda foram umas horas valentes de letras e melodias a entrar-me ouvidos dentro. E estas músicas entranham-se. Instalam-se e ficam-nos na memória, um dia acordamos e estamos a cantarolar também. Sem dramas, até acho graça. 

De lá para cá, o Tony Carreira é o fenómeno de popularidade que se sabe, e eu acho fascinante estar tudo pensado ao pormenor, até ao botão da camisa que deve estar fechado ou não, um rapaz romântico e atinado na camisa e no penteado, o sonho de mães e sogras, filhas e noras. Acho piada, pronto, não ofende, não maça, e há de facto público para tudo. Este público também merece ter os seus dias de corrida a bilhetes e noitadas para ter lugar.

Voltando à T, vem de há um tempo a conversa "um dia vais comigo ver o Tony, eu ofereço o bilhete!" e eu, está bem. Foi assim que chegámos ao dia de hoje, estão comprados os bilhetes para dia 1 no Meo Arena. E vou, vou com todo o gosto acompanhar a minha amiga no que ela já diz que vai ser o "terceiro melhor dia da minha vida!"

Depois faço reportagem em post. Entretanto, vou ensaiar.

 

"Tudo aquilo que sou, um menino sonhou e hoje eu vivooooo..."